Você está aqui: Página Inicial / Sobre o Colégio / Filosofia

Filosofia

Instituto Noroeste de Birigui é uma instituição confessional, dirigida por um Conselho Diretor nomeado pela Igreja Metodista, estando subordinado à sua jurisdição e cuja filosofia educacional vivencia, no desenvolvimento de seu programa, desde a Educação Infantil até o Ensino Superior.

A Igreja Metodista entende a educação secular como processo que oferece formação melhor qualificada nas suas diversas fases, possibilitando às pessoas o desenvolvimento de uma consciência crítica e seu comprometimento com a transformação da sociedade, segundo a missão de Jesus Cristo. E o Noroeste, como é chamado o Instituto, adota esta definição como elemento chave de seu trabalho, do qual derivam todos os postulados de sua missão educacional.

O ensino formal praticado pelo Noroeste possui algumas diretrizes básicas.

  • Procura despertar uma percepção crítica dos problemas sociais. 
  • Não se limita a preparar para o mercado de trabalho, indo além da simples transmissão de conhecimento. 
  • Busca novas expressões do saber, a partir da realidade vigente. 
  • Integra a Pastoral Escolar à vida estudantil, no desenvolvimento de um trabalho que visa à educação integral. 
  • Usa dos princípios democráticos em todas as decisões. 
  • Desenvolve sistematicamente uma análise e revisão de seus objetivos à luz das oportunidades e exigências da atualidade.


Como instituição confessional, cremos que:

  1. A aprendizagem não acontece somente em sala de aula, mas também na vivência de uma série de experiências formadoras do caráter sócio-cultural. Acreditamos na educação para a vida.
  2. O ensino profissional deve iniciar o formando numa área de trabalho onde exerça suas funções com eficácia. Para tanto, o envolvimento com a realidade em situações problemáticas é parte integrante do nosso currículo.
  3. Absorver, na prática, a filosofia da Igreja Metodista é nosso compromisso, através de uma vida de serviço à comunidade. Todo beneficio recebido reverte em investimento na melhoria da qualidade de ensino, da equipe de trabalho e, essencialmente, do atendimento às necessidades da formação do aluno.
  4. Promover a formação integral do aluno significa, também, elaborar um currículo em que a inserção de disciplinas da área de humanas conduza ao seu aperfeiçoamento cultural.