Você está aqui: Página Inicial / Sobre o Colégio / História

História

Histórico do Colégio Metodista União

O Colégio Metodista União foi fundado em 1870 pelo francês Aleixo Vicente Vulrod, que veio para o Brasil após morar em Montevidéu, no Uruguai. Uruguaiana ainda era uma vila quando Aleixo Vulrod chegou a cidade e passou a lecionar em domicílios. Aqui estudavam descendentes de franceses e filhos de militares. Vulrod acompanhou de perto a invasão dos soldados de Solano Lopes em 1865 e, segundo dizem, chegou a prestar auxílio a população uruguaianense.

O União foi a primeira escola mista de Uruguaiana, pois no século XIX era raro meninos e meninas estudarem na mesma escola. O fundador Aleixo Vulrod se casou com uma brasileira e teve três filhas que também lecionaram em sua escola. Vulrod era protestante e passou ao metodismo com sua família em 1905. No ano de 1908 o Reverendo John Price e o Bispo Walter R. Lambuh assumem o União, que passou a ser administrado por missionários (as) da Igreja Metodista Episcopal do Sul, dos Estados Unidos.

Em 1936, Guilherme Myllus assume a administração do colégio, sendo o primeiro brasileiro a fazê-lo desde sua criação. Ao longo de sua trajetória o União manteve cursos de pré-escola (jardim de infância); ensino fundamental, com primário e ginásio; ensino médio, com clássico, científico, técnico em contabilidade e normal, até os cursos atuais.

No ano de 2002 passou a integrar a rede Metodista de Educação do Sul, com os Colégios Americano e Centenário. O ano de 2004 foi marcado pela inclusão de um curso de pós-graduação em Direito no Colégio União, pontuando assim a entrada da instituição no Ensino Superior. O ano de 2005 inicia trazendo uma nova conquista nesta área, pois o Centro Universitário Metodista IPA passou a ter uma turma do curso de Educação Física funcionando no campus União.