Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Colégio recebe intercambistas do Peru

Colégio recebe intercambistas do Peru

Colégio recebe intercambistas do Peru

Os intercambistas do Peru estão quase encerrando sua estadia por Juiz de Fora, mas o aprendizado vai ficar por muito tempo. O Programa de Intercâmbio do Granbery entre Brasil e Peru existe desde 2013 e desde então acumula uma troca cultural muito rica entre os estrangeiros, os granberyenses e as famílias acolhedoras.

Os peruanos chegaram ao Brasil dia 24 de agosto, fizeram um tour pelo Rio de Janeiro e passaram o resto do fim de semana com as famílias acolhedoras – pais de alunos do Colégio. A rotina durante as duas semanas em que estiveram aqui foi composta por aulas, jantares, cultos e até mesmo trabalho social. Além disso, foram feitos muitos passeios turísticos, tanto em Juiz de Fora, para o Jardim Botânico, Parque da Lajinha e Mirante, como para outras cidades, como o Museu do amanhã, no Rio de Janeiro, Parque Aldeia das Águas em Barra do Piraí-RJ e Museu Imperial em Petrópolis-RJ.

O coordenador do projeto, Carlos Alberto Pessoa Magalhães, explica que o objetivo é aprender o idioma desejado e a experiência em sala de aula, bem como a cultura de cada país, mas vai muito além disso. “O que fica é aprender a conviver, pois a maioria dos alunos estão viajando sozinhos pela primeira vez, e, também, a seguir regras de conduta em outro país e o respeito com o cidadão nativo”.

A intercambista Paula Yovanka Fajardo tem 15 anos, veio ao Brasil pela primeira vez e achou o país “fofo e agradável”. “Eu conheci muitas pessoas, que me ensinaram um pouco da cultura brasileira e gostei muito da comida, da hospitalidade e das aulas no Granbery”, complementa. A granberyense Isabela Arrighi, ajudou Paula a se entender com o português e conta que essa experiência ajuda muito a praticar o espanhol. Além disso, ela também recebeu um estudante em sua casa e gostou muito. “É muito legal, porque além da gente viajar com eles para o Rio e para Petrópolis, a gente tem a experiência em casa, mostra as comidas típicas, as danças, as músicas e como a gente vive no dia a dia, uma experiencia que eles não têm lá”, conta animada.

Um culto de fechamento e uma fraternização no dia 06 de setembro marcam o encerramento de uma viagem que ficará marcada na vida de todos. Duas semanas repletas de amizade, fraternidade e aprendizados. O Colégio Metodista Granbery se orgulha de poder proporcionar tamanha experiência.