Você está aqui: Página Inicial / Pastoral Escolar / #PraPensar / Dia da Consciência Negra - 2020

Dia da Consciência Negra - 2020

por fernanda.kian publicado 19/11/2020 11h29, última modificação 19/11/2020 11h29
Dia da Consciência Negra - 2020

Texto Bíblico: “Pois todos vós sois filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus;... Dessarte, não pode haver judeu nem grego; nem escravo nem liberto; nem homem nem mulher; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.” Gálatas 5.26,28

Desde que o mundo é mundo, vários povos têm sido dominados e escravizados por outros que se julgam superiores. Não foi diferente quando os navios chegaram ao continente africano e subjugaram os(as) africanos(as) que ali viviam. Esses navios partiram para várias partes do mundo levando os(as) africanos(as) como escravos(as), inclusive para o Brasil.

Moramos em um país miscigenado, e não deveríamos tratar como diferente quem tem a cor de pele diferente da nossa, pois em nosso DNA existem vários povos e etnias. Além de ser uma atitude preconceituosa, que é crime.

Por que comemorar o Dia da Consciência Negra? Porque ainda em pleno século XXVI, negros e negras são discriminados por sua cor, pelo seu cabelo e por sua maneira de se expressar.

O mundo em que vivemos, o(a) negro(a) precisa provar que é bom no que faz, que é merecedor de tal título, de tal cargo. Infelizmente o nosso país é racista sim.

Entretanto, a Bíblia diz que todos são iguais diante de Deus. Ele não olha para a cor da sua pele, a roupa que você está vestindo, o jeito como arruma o cabelo. Deus olha o seu coração. Deus criou o povo negro e o ama.

Todos somos criaturas de Deus. Foi Ele que criou todas as coisas e tudo o que Deus fez e faz é muito bom.

Jesus nos deixou um grande ensinamento ao amar as pessoas independentes de quem elas fossem. Será que nós fazemos o mesmo? Deus espera sempre o melhor de nós.

Muitas pessoas deixaram suas marcas no mundo e são lembradas até hoje, como Martin Luther King, Nelson Mandela, Malcon X, entre outros. Eles cumpriram uma missão e foram a diferença no mundo.

E quanto a você? Quer deixar sua marca no mundo? Ajude a acabar com o preconceito racial. Seja a diferença que o mundo precisa.

Revda. Lady Gloria Magalhães Furtado Nunes
Pastoral Universitária do IEP/ UNIMEP Campus Lins