Você está aqui: Página Inicial / Cinco alunos do 9º ano estão entre os 12 melhores entre todas as escolas da Rede Metodista, segundo avaliação SAEB 2019

Cinco alunos do 9º ano estão entre os 12 melhores entre todas as escolas da Rede Metodista, segundo avaliação SAEB 2019

Cinco alunos do 9º ano estão entre os 12 melhores entre todas as escolas da Rede Metodista, segundo avaliação SAEB 2019

A 1ª avaliação diagnóstica do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), que auxilia, em âmbito nacional, na avaliação dos alunos nas disciplinas de português e matemática, foi divulgada nesta sexta-feira com uma ótima notícia para o Colégio Metodista Americano. Cinco alunos do 9º ano estão entre os 12 melhores entre todos os alunos das escolas participantes da Rede Metodista no Brasil. E mais:  A aluna Aline Lauffer Fagan, da turma 92 do Americano, ficou em 30º lugar entre 10.061 alunos participantes da Educação Básica no Brasil. “Os professores sempre nos prepararam muito para o ambiente de aula, para nos concentrarmos para sair tudo direitinho. Estou muito feliz com a minha avaliação”, disse ela.

Por ordem de resultado, os alunos são:

1) ALINE LAUFFER FAGAN (2º Rede Metodista e 30º na posição geral);

2) VITOR CANCHERINI VIEIRA (6º Rede Metodista e 97º na posição geral);

3) JULIA OHSE CECHINATTO (7º Rede Metodista e 136º posição geral);

4) GISELE CERVO ROTTA (9º Rede Metodista e 173º posição geral);

5) ISADORA BRIGO VIDOR (12º Rede Metodista e 218º posição geral).

Foi muito significativa a participação dos nossos estudantes do 9º ano do EF, que obtiveram uma excelente classificação, comemora a supervisora pedagógica do Americano, Gianice Stabile Fortes. “Eles terão em setembro uma nova avaliação, que com certeza, deverá aumentar ainda mais os índices para a nossa escola. Esta avaliação contribui para vermos todo o trabalho que é feito ao longo do Ensino Fundamental “, disse.

Sobre o SAEB

O Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) é composto por um conjunto de avaliações externas em larga escala que permitem ao Inep realizar um diagnóstico da educação básica brasileira e de alguns fatores que possam interferir no desempenho do estudante, fornecendo um indicativo sobre a qualidade do ensino ofertado.

 Por meio de provas e questionários, aplicados periodicamente pelo Inep, o Saeb permite que os diversos níveis governamentais avaliem a qualidade da educação praticada no país, de modo a oferecer subsídios para a elaboração, o monitoramento e o aprimoramento de políticas com base em evidências. As médias de desempenho do Saeb, juntamente com os dados sobre aprovação, obtidos no Censo Escolar, compõem o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).